3 sinais indicam que o trabalho de parto vai começar em pouco tempo

























Os principais sinais de trabalho de parto normal acontecem após as 37 semanas de gestação.
Confira 3 sinais evidentes de que REALMENTE está chegando a hora do seu bebê conhecer o mundo.



Sintomas do Parto

1- Tampão mucoso:

A função do tampão mucoso durante a gestação é cobrir o colo do útero e impedir que bactérias e substâncias estranhas entrem em contato com a bolsa que protege o bebê. O aspecto dele é gelatinoso e dias antes de ocorrer o parto, é comum que um corrimento amarronzado apareça. O tampão mucoso completo é expelido quando o bebê já está se preparando para nascer.



2. Contrações

As contrações são os sinais mais conhecidos pelas mulheres. A medida que os intervalos de minutos entre as contrações forem diminuindo é porque o parto está cada vez mais próximo de acontecer. Elas são como cólicas bem fortes e ocorrem abaixo do ventre e algumas mulheres até sentem dores na lombar. Embora possam ser confundidas, as "contrações verdadeiras" começam quando o colo começa a dilatar. Dias e até semanas antes, no entanto, a mulher pode sentir as contrações de treinamento, chamadas de contrações de Braxton-Hicks.


3. Bolsa rompida


Quando a membrana que envolve o bebê se rompe, a bolsa da gestante “estoura”. Mas, a quantidade de líquido amniótico que pode sair varia de mulher para mulher. Ele pode sair como se fosse um escape de xixi e em pouca quantidade ou de repente e em uma "enxurrada". O líquido pode ser transparente, amarelado ou com sangue. A bolsa pode se romper no começo do trabalho de parto, mas caso a bolsa rompa antes, preste atenção se o intervalo entre as contrações é curto ou espaçado.
Embora seja indício de que o bebê pode nascer em pouco tempo, depois de a bolsa estourada, com monitoramento de profissionais ainda é possível esperar tranquilamente a engrenagem das contrações e o tempo de dilatação do colo do útero, isto porque o organismo continua produzindo líquido suficiente para o bebê ficar bem.

Estou em trabalho de parto! E agora?

Ao identificar que está em trabalho de parto, deve-se levar em consideração alguns fatores como:


  • Se está marcada a cesária:
Quando a grávida deseja fazer uma cesária, mas entrou em trabalho de parto antes da data prevista para a cirurgia, deverá informar o médico imediatamente enquanto se desloca para o hospital.
  • Se deseja um parto normal:
​​Quando a grávida deseja um parto normal e descobre que entrou em trabalho de parto, deverá ficar calma e ver no relógio de quanto em quanto tempo vêm as contrações.
No início do trabalho de parto a grávida pode continuar fazendo suas atividades diárias. Especialmente quando é o nascimento do primeiro filho, porque neste caso o trabalho de parto leva muitas horas.
Durante o trabalho de parto a dor deverá ir aumentando aos poucos, mas quanto mais calma e relaxada a mulher estiver, melhor será o andamento do trabalho de parto. Não há necessidade de ir para o hospital logo que sinta a primeira contração porque o trabalho de parto ocorre em 3 fases, que incluem a dilatação, que é a fase mais demorada, fase ativa, que é o nascimento do bebê e a fase da saída da placenta. 
Se a bolsa ainda não estiver rompido, o que se pode fazer para aliviar a dor das contrações é tomar um banho morno, entrar numa banheira devidamente limpa ou numa pequena piscina porque a água quente relaxa, favorecendo a dilatação. 


Fontes:
Vix